Loading...

domingo, 17 de março de 2013

INDIGNAÇÃO


Caros Senhores é com muita indignação que venho expressar a minha insatisfação pela perda do jogo contra o sport, acho que tem muita coincidência em o NÁUTICO perder os jogos quando é superior ao adversário. Acho muito estranho este jogo de hoje e outros que perdemos quando somos superiores, é difícil engolir esta situação, sempre levantamos este time quando somos superiores, no minimo é estranho, ou seja, só sobra para o torcedor que acredita na hora certa e o clube decepciona de uma maneira estranha... TUDO QUE ACONTECEU ANTES DO JOGOS É NO MINIMO ESTRANHO... Para nós da torcida timbuzaocnc foi a gota d´água e não conseguimos acreditar no futebol dentro das 4 linhas... um dia quem sabe voltemos... um forte abraço a todos... não acreditamos em coincidências e sim em manipulação de resultados... 17/03/2013...

sexta-feira, 15 de março de 2013

Náutico segue firme na Copa Goiana de Futsal

15/03/13 às 17h44 | Por: Adja Andrade - nautico-pe.com.br

Equipe com nova formação / Foto: Divulgação

Após vencer o arquirrival Sport e o America de Natal, a equipe alvirrubra de futsal adulto masculino segue firme na Copa Goiana. Na última terça-feira (12), o Náutico derrotou o Sport por 4 x3, e garantiu vaga para as quartas de final da competição. Ontem ao enfrentar o time potiguar os atletas do timbu mesmo empatando em 2x2 conseguiram a classificação para a semifinal.

“As equipes estão bastante niveladas mesmo sendo início de temporada nenhum jogo foi ou será fácil, ainda assim acredito que dá para chegarmos a final com tranquilidade” destacou Baixinho, treinador da equipe Timbu.

O torneio que teve início na última terça-feira (12), contou com seis equipes que foram divididas em duas chaves. Na chave “A” Náutico, Sport e América-RN e na chave “B” Santa Cruz, Seleção de Goiana e Seleção de João Pessoa. O Náutico saiu em primeiro do seu grupo e fará a primeira semifinal contra a Seleção de João Pessoa, logo mais às 20h, no ginásio Municipal de Goiana, em seguida Santa Cruz e Seleção de João Pessoa disputam a segunda vaga. Caso haja vitória do Náutico, o título será disputado amanhã, neste mesmo horário contra a equipe vencedora da chave “B”.

Para o jogo de hoje o técnico Baixinho vai contar com Guga, Julio Cesar, Luan, Celso, Sabiá, Migulha, Ciel, Daniel, Dé, Binho, Lambão, André e Alison.

quarta-feira, 13 de março de 2013

Náutico terá três representantes na Seletiva Nacional de Remo

13/03/13 às 15h38 | Por: Adja Andrade - nautico-pe.com.br

Giló e Melk competirão na mesma prova, mas em categorias diferentes / Foto: Divulgação

Gabriel de Oliveira, Lucas Giló e Melk Pereira serão os representantes do Clube Náutico Capibaribe, na Seletiva Nacional de Remo que acontece de 14 a 17 de março, na Lagoa Rodrigo de Freitas no Rio de Janeiro.

Os jovens atletas alvirrubros irão competir todos na prova de Skiff, mas em diferentes categorias. Gabriel Oliveira e Melk Pereira disputarão a categoria Júnior “A”, já Lucas Giló na Sub-23 peso leve. A convocação dos remadores se deu após bom desempenho mostrado por eles no teste de remo ergômetro realizado pela Confederação. É através dele que os atletas são convocados para disputar à Seletiva

“Estamos indo com uma expectativa muito grande, acreditamos que temos capacidade de conseguir uma vaga lá. Todo o trabalho que vem sendo realizando por nosso treinador aqui no Náutico, nos deu condições suficientes de mostrar que estamos preparados”, declarou Giló.

Além do Náutico, a Seletiva também vai contar com atletas dos clubes: Flamengo, Vasco da Gama, Botafogo, Grêmio Náutico União e outros de expressão nacional. Sendo classificados na competição, os atletas do Timbu servirão a Seleção Brasileira de Remo nas suas respectivas categorias.

Artilheiro da Copa Nordeste, Rivaldo Dias comemora início da temporada com título

13/03/13 às 14h35 | Por: Adja Andrade - nautico-pe.com.br

Bananinha na jogada do primeiro gol / Foto: Divulgação Site Super Esportes

A temporada 2013 promete para hóquei masculino do Náutico. Competições regionais, nacionais e possivelmente uma internacional estão marcadas no calendário alvirrubro. E nada melhor que começar o ano com um título, em casa e contra o principal rival Sport. Na goleada por 7 a 3, no último domingo (10), quatro gols foram marcados pelo camisa 4 Rivaldo Dias, o Bananinha. O pivô comemorou o título da Copa Nordeste e ainda recebeu premiação de artilheiro da competição.

“Esse titulo foi muito importante para mim, pois é a primeira conquista que conseguir vestindo a camisa do Náutico. Ser artilheiro é uma sessão muito boa levanta a autoestima de qualquer jogador”, declarou Bananinha.

O atleta que se destacou não só na partida final, mais em toda a competição fez questão de exaltar o trabalho em equipe “Sem essa equipe com certeza eu não conseguira chegar à artilharia. Nossa maior força é o nosso conjunto e a união entre todos. O grupo é bastante novo e jovem, mas carrega uma vasta experiência”, destacou Bananinha.

Bananinha espera agora o campeonato Pernambucano, previsto para começar em abril e deseja contar com o apoio da torcida do Timbu. “Pretendo fazer um bom trabalho no Pernambucano, pois ele serve de preparativo para o Brasileiro e espero contar com o apoio da torcida, pois ela é quem nos dá força e incentivo” disse ele.

domingo, 10 de março de 2013

HÓQUEI CAMPEÃO!

O TIMBU acaba de vencer o Sport por 7 x 3 e é o novo CAMPEÃO da Copa Nordeste de hóquei.

Foto: Twitter oficial do Náutico.


Um jogo de xadrez

09/03/13 às 22h27 | Por: Anderson Malagutti - nautico-pe.com.br

Mancini orienta Jones Carioca antes dele entrar na partida / Foto: Adja Andrade

Um verdadeiro jogo de xadrez. Assim o técnico Vágner Mancini destacou o jogo no qual o Náutico venceu o Belo Jardim por 3x0 na noite deste sábado. O jogo foi duro e precisou muito da inteligência e o dedo do técnico para “acordar” o time e conseguir os três pontos. Ainda desgastado depois da longa viagem para Salgueiro, alguns jogadores sentiram o cansaço. Foi preciso então colocar jogadores descansados.

“O futebol é muito dinâmico. Você mexe as pedras antes do jogo, mas o que vai acontecer no jogo depende de cada detalhe, de cada mexida. É um jogo de xadrez. Quando a gente viu que o meio-campo ficou muito carregado no aspecto de marcação e pouca posse de bola, eu tive que mexer. E não entrando mais um jogador de meio-campo, mas sim um jogador mais de frente”, explicou o técnico, ao comentar a substituição de Josa por Jones Carioca ainda no primeiro tempo.

Mancini resumiu ainda que o Náutico não fez um bom jogo. Porém, fez questão de ressaltar a segurança na defesa. Apesar do Belo Jardim incomodar bastante, não tiveram muitas chances de gols, diferentemente do time alvirrubro, que matou o jogo nas chances dadas pelo adversário.

“O Belo Jardim não deu muitas chances, mas as chances que eles deram, o Elton fez seus gols e o Rogério foi esperto para fazer o gol dele. De uma forma geral, acho que defensivamente estamos mais seguros e ofensivamente o talento está aparecendo”, garantiu.

Com 12 pontos, o Náutico termina a rodada como líder antes mesmo dos demais adversário jogarem. Com saldo positivo de 16 gols, o Timbu só perde a liderança caso o Santa Cruz vença sua partida contra o Central por uma diferença de 13 gols.

sábado, 9 de março de 2013

“Melhor grupo que já trabalhei”

08/03/13 às 17h03 | Por: Simone Vilar - nautico-pe.com.br

Elton participou de pelo menos cinco coletivas em menos de uma semana. Tanta solicitação se justifica pelos gols. O atacante é o artilheiro do pernambucano com dez gols e coroou o bom momento com um gol de bicicleta contra o Salgueiro, na vitória por quatro a zero. “Nunca dei tanta entrevista na minha vida. Isso é bom e mostra o momento maravilhoso que o Náutico vive e temos mesmo que falar de coisas boas”.

A cada gol uma entrevista / Foto: Simone Vilar

O horário do jogo deste sábado é ingrato para o time afinal, não faz parte da rotina do torcedor ir para o estádio às oito da noite. Mesmo assim, Elton espera o apoio da torcida diante do Belo Jardim. “A gente espera que o torcedor compreenda, mas independente de qualquer coisa nós jogadores temos que procurar fazer o melhor”.

Falar em artilharia a imprensa traz o nome de Kieza. Desta vez, Elton teve que analisar o seu desempenho de quando chegou ao de agora. “Quando Kieza estava aqui tínhamos outra maneira de jogar e nós éramos “sacrificados” por termos que voltar para marcar. Mas era início de trabalho, faltava entrosamento e Mancini impõe a cada dia uma nova filosofia de jogo. Tudo é uma questão de adaptação”, justificou.

Elton confessou na coletiva ser este o melhor momento da carreira. A exemplo das entrevistas nunca teve uma média tão boa ao marcar em nove jogos 10 gols. “Tive um bom momento no vasco em 2009, mas nada comparável ao que vivo aqui no Náutico. Estou surpreso comigo mesmo”, admitiu.

O artilheiro do pernambucano atribui à boa fase aos treinamentos e o ambiente no Náutico. “Aqui não há espaço pra vaidade. Todo mundo se abraça no momento do gol e mesmo os que estão de fora apoiam e recebem o carinho de todos. No dia a dia a gente conta com a participação importante de Kuki, um cara da posição que cobra da gente e treina finalização. O mais importante é a vitória. A quantidade de gols é consequência”.

quinta-feira, 7 de março de 2013

Náutico x Belo Jardim terá promoção de ingressos

07/03/13 às 11h19 | Por: Anderson Malagutti e Adja Andrade - nautico-pe.com.br

Promoção especial para o Dia Internacional da Mulher / Foto: Marketing/Náutico

Para homenagear as torcedoras alvirrubras no Dia Internacional da Mulher, o Náutico terá uma promoção especial para a partida diante do Belo Jardim, neste sábado, às 20h, nos Aflitos. Mulheres acompanhadas de sócios alvirrubros entram de graça no estádio. A promoção é válida somente para sócios que estiverem em dia com o clube.

Também já estão a venda os ingressos para os demais setores do estádio.

Confira os horários de venda dos ingressos:

Quinta-feira (07): das 14h às 20h
Sexta-feira (08): das 8h às 20h
Sábado (09): a partir das 9h

Preços para torcedores do Náutico:

Sócio: R$ 15,00
Estudante: R$ 15,00
Arquibancada inteira: R$ 30,00
Cadeira sócio: R$ 50,00
Cadeira não sócio: R$ 60,00

Preços para torcida visitante:

Estudantes: R$ 15,00
Arquibancada inteira: R$ 30,00

terça-feira, 5 de março de 2013

O primeiro grande teste

05/03/13 às 12h07 | Por: Simone Vilar - nautico-pe.com.br

O técnico Vágner Mancini declarou na coletiva que acha oportuno o jogo contra o Salgueiro fora de casa. Para esta partida o treinador exige uma nova dinâmica na marcação e mais concentração dos jogadores. Diante do Carcará, o Náutico defende a liderança e tem a missão de quebrar mais um tabu. Há 13 jogos o time do serão não perde no estadual jogando em casa. “Prefiro até que seja longe dos Aflitos. Quero ver meu time ser testado fora de casa”.

Pela primeira vez Mancini não confirmou o time titular para a imprensa. Com a punição de Alison, suspenso por quatro jogos (já cumpriu), o treinador estuda a possibilidade de mudar o sistema. Certeza mesmo só nas laterais. Maranhão na direita e Douglas Santos ganham oportunidade no time titular. “Com Maranhão vamos ter mais força no ataque. Já com Douglas Santos temos mais marcação no lado esquerdo. É uma oportunidade de eu vê-lo jogar, mas sei que é disciplinado taticamente e faz bem a diagonal”.


'Um time mais guerreiro' / Foto: Simone Vilar 

Mancini sinalizou com a possibilidade de mudar o jeito de o Náutico atuar. Mas o técnico espera pelo aproveitamento de jogadores que estão no departamento médico, ou àqueles ainda não inscritos ou suspensos. “Se eu tivesse todo mundo à disposição talvez eu mudasse o esquema. Temos alguns atletas quando tiverem à disposição vão ser referência e com isso terei até um banco mais fortalecido”, prevê.

Mancini justificou as dúvidas no time com a necessidade de rever jogos do adversário. Ele tem em mãos os vídeos das partidas do Salgueiro contra o Santa Cruz e Sport. “Eu preciso ver esses jogos para entender melhor o que o Salgueiro faz de diferente e que o faz tão forte”. Mais uma vez Mancini teve que responder às perguntas pertinentes ao número alto de gols tomados nos últimos jogos. “Eu não posso analisar porque tomou seis gols em três jogos. Em contrapartida, fizemos 15 nesse mesmo número de partidas, com uma média de cinco gols por jogo. É fato que precisamos ter uma equipe bem distribuída para equilibrar o jogo com um time que joga junto há quatro anos”, finalizou.

segunda-feira, 4 de março de 2013

Vágner Mancini: “Temos que melhorar alguns erros”

02/03/13 às 22h38 | Por: Anderson Malagutti - nautico-pe.com.br

Treinou citou falhas no setor defensivo / Foto: Simone Vilar

O Náutico conseguiu uma importante vitória na noite deste sábado. Apesar das dificuldades, o Timbu conseguiu se impor no segundo tempo e buscou a segunda vitória no segundo turno do Campeonato Pernambucano. Para o técnico Vágner Mancini, apesar da vitória, o time escondeu algumas falhas que deverão ser corrigidas.

“O jogo, se a gente for analisar pela equipe do Náutico, não foi um bom jogo. A equipe vacilou demais, errou demais. Fez cinco gols e poderia ter feito oito novamente, porque teve oportunidades para isso. O time não jogou bem. Deu espaços. Não foi uma equipe compacta. Melhorou no segundo tempo, com a entrada do Maranhão, e nós acabamos liquidando a saída de bola do adversário, que toda hora chegava no Jaime. Mas a gente tem que aceitar e temos que melhorar alguns erros vistos no setor defensivo”, resumiu .

Depois de terminar o primeiro tempo com o placar empatado em 2x2, Mancini voltou para a segunda etapa com Maranhão no lugar de Auremir para corrigir uma falha na marcação alvirrubra pelo lado esquerdo do Chã Grande.

“A substituição do Maranhão foi normal. Eu já havia dito aqui que o Chã Grande tinha toda saída de bola no Jaime. Então ficava um meia distante do Jaime e o Auremir também distante. Se o Auremir saísse, sobrava alguém nas costas. Então eu optei em fazer a entrada do Maranhão mais como ala, descompensando a nossa linha de quatro zagueiros. Aí a gente acertou esse lado”, explicou.

Apesar de o time não ter apresentado um bom futebol, Mancini tirou alguns lições da partida. A maior delas é entrar concentrado, apesar do adversário.

“As lições foram muitas, porque hoje aconteceu muita coisa errada. Mas acima de tudo eu vi uma equipe que não desistiu do jogo jamais, assim como a gente teve uma parte da torcida que saiu chateada, tem outra parte que entende, que sabe que o Náutico é uma equipe em formação ainda e tem erros que ainda vão ser vistos mas que o mais importante é vencer no futebol”, finalizou.

sábado, 2 de março de 2013

Apoio da torcida será imprescindível

01/03/13 às 16h11 | Por: Simone Vilar - nautico-pe.com.br

Vinícius Pacheco deve voltar ao time nesta partida contra o Chã Grande nos Aflitos. Se Mancini optar pelo meio campista, a tendência também é mudar a postura tática, jogando no esquema 4-4-2. Com isso, Renato seria sacado. Tantas mudanças requerem explicações. Para Vinícius Pacheco o Náutico busca uma crescente. “Temos que evoluir ainda. Cada jogo é uma situação diferente e há jogos, principalmente com equipes que vêm enfrentar a gente com postura defensiva, enfrentamos dificuldades”.

Pacheco deve voltar ao time / Foto: Simone Vilar

O jogador vive a expectativa do retorno e uma vez questionado sobre as justificativas de Mancini, Pacheco pregou respeito às decisões do treinador. “Mancini não tem que dar explicações a jogador. A gente é que tem que estar sempre pronto e à disposição para jogar”.

Para o jogo da reabilitação Vinícius Pacheco ressaltou a importância do apoio da arquibancada. “A gente tem visto nos jogos fora de casa que os times do interior contam com uma torcida forte. Aqui não pode ser diferente. Tenho certeza que o nosso torcedor deve nos ajudar nessa caminhada rumo ao título pernambucano”.