Loading...

domingo, 10 de março de 2013

Um jogo de xadrez

09/03/13 às 22h27 | Por: Anderson Malagutti - nautico-pe.com.br

Mancini orienta Jones Carioca antes dele entrar na partida / Foto: Adja Andrade

Um verdadeiro jogo de xadrez. Assim o técnico Vágner Mancini destacou o jogo no qual o Náutico venceu o Belo Jardim por 3x0 na noite deste sábado. O jogo foi duro e precisou muito da inteligência e o dedo do técnico para “acordar” o time e conseguir os três pontos. Ainda desgastado depois da longa viagem para Salgueiro, alguns jogadores sentiram o cansaço. Foi preciso então colocar jogadores descansados.

“O futebol é muito dinâmico. Você mexe as pedras antes do jogo, mas o que vai acontecer no jogo depende de cada detalhe, de cada mexida. É um jogo de xadrez. Quando a gente viu que o meio-campo ficou muito carregado no aspecto de marcação e pouca posse de bola, eu tive que mexer. E não entrando mais um jogador de meio-campo, mas sim um jogador mais de frente”, explicou o técnico, ao comentar a substituição de Josa por Jones Carioca ainda no primeiro tempo.

Mancini resumiu ainda que o Náutico não fez um bom jogo. Porém, fez questão de ressaltar a segurança na defesa. Apesar do Belo Jardim incomodar bastante, não tiveram muitas chances de gols, diferentemente do time alvirrubro, que matou o jogo nas chances dadas pelo adversário.

“O Belo Jardim não deu muitas chances, mas as chances que eles deram, o Elton fez seus gols e o Rogério foi esperto para fazer o gol dele. De uma forma geral, acho que defensivamente estamos mais seguros e ofensivamente o talento está aparecendo”, garantiu.

Com 12 pontos, o Náutico termina a rodada como líder antes mesmo dos demais adversário jogarem. Com saldo positivo de 16 gols, o Timbu só perde a liderança caso o Santa Cruz vença sua partida contra o Central por uma diferença de 13 gols.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.