Loading...

domingo, 17 de março de 2013

INDIGNAÇÃO


Caros Senhores é com muita indignação que venho expressar a minha insatisfação pela perda do jogo contra o sport, acho que tem muita coincidência em o NÁUTICO perder os jogos quando é superior ao adversário. Acho muito estranho este jogo de hoje e outros que perdemos quando somos superiores, é difícil engolir esta situação, sempre levantamos este time quando somos superiores, no minimo é estranho, ou seja, só sobra para o torcedor que acredita na hora certa e o clube decepciona de uma maneira estranha... TUDO QUE ACONTECEU ANTES DO JOGOS É NO MINIMO ESTRANHO... Para nós da torcida timbuzaocnc foi a gota d´água e não conseguimos acreditar no futebol dentro das 4 linhas... um dia quem sabe voltemos... um forte abraço a todos... não acreditamos em coincidências e sim em manipulação de resultados... 17/03/2013...

sexta-feira, 15 de março de 2013

Náutico segue firme na Copa Goiana de Futsal

15/03/13 às 17h44 | Por: Adja Andrade - nautico-pe.com.br

Equipe com nova formação / Foto: Divulgação

Após vencer o arquirrival Sport e o America de Natal, a equipe alvirrubra de futsal adulto masculino segue firme na Copa Goiana. Na última terça-feira (12), o Náutico derrotou o Sport por 4 x3, e garantiu vaga para as quartas de final da competição. Ontem ao enfrentar o time potiguar os atletas do timbu mesmo empatando em 2x2 conseguiram a classificação para a semifinal.

“As equipes estão bastante niveladas mesmo sendo início de temporada nenhum jogo foi ou será fácil, ainda assim acredito que dá para chegarmos a final com tranquilidade” destacou Baixinho, treinador da equipe Timbu.

O torneio que teve início na última terça-feira (12), contou com seis equipes que foram divididas em duas chaves. Na chave “A” Náutico, Sport e América-RN e na chave “B” Santa Cruz, Seleção de Goiana e Seleção de João Pessoa. O Náutico saiu em primeiro do seu grupo e fará a primeira semifinal contra a Seleção de João Pessoa, logo mais às 20h, no ginásio Municipal de Goiana, em seguida Santa Cruz e Seleção de João Pessoa disputam a segunda vaga. Caso haja vitória do Náutico, o título será disputado amanhã, neste mesmo horário contra a equipe vencedora da chave “B”.

Para o jogo de hoje o técnico Baixinho vai contar com Guga, Julio Cesar, Luan, Celso, Sabiá, Migulha, Ciel, Daniel, Dé, Binho, Lambão, André e Alison.

quarta-feira, 13 de março de 2013

Náutico terá três representantes na Seletiva Nacional de Remo

13/03/13 às 15h38 | Por: Adja Andrade - nautico-pe.com.br

Giló e Melk competirão na mesma prova, mas em categorias diferentes / Foto: Divulgação

Gabriel de Oliveira, Lucas Giló e Melk Pereira serão os representantes do Clube Náutico Capibaribe, na Seletiva Nacional de Remo que acontece de 14 a 17 de março, na Lagoa Rodrigo de Freitas no Rio de Janeiro.

Os jovens atletas alvirrubros irão competir todos na prova de Skiff, mas em diferentes categorias. Gabriel Oliveira e Melk Pereira disputarão a categoria Júnior “A”, já Lucas Giló na Sub-23 peso leve. A convocação dos remadores se deu após bom desempenho mostrado por eles no teste de remo ergômetro realizado pela Confederação. É através dele que os atletas são convocados para disputar à Seletiva

“Estamos indo com uma expectativa muito grande, acreditamos que temos capacidade de conseguir uma vaga lá. Todo o trabalho que vem sendo realizando por nosso treinador aqui no Náutico, nos deu condições suficientes de mostrar que estamos preparados”, declarou Giló.

Além do Náutico, a Seletiva também vai contar com atletas dos clubes: Flamengo, Vasco da Gama, Botafogo, Grêmio Náutico União e outros de expressão nacional. Sendo classificados na competição, os atletas do Timbu servirão a Seleção Brasileira de Remo nas suas respectivas categorias.

Artilheiro da Copa Nordeste, Rivaldo Dias comemora início da temporada com título

13/03/13 às 14h35 | Por: Adja Andrade - nautico-pe.com.br

Bananinha na jogada do primeiro gol / Foto: Divulgação Site Super Esportes

A temporada 2013 promete para hóquei masculino do Náutico. Competições regionais, nacionais e possivelmente uma internacional estão marcadas no calendário alvirrubro. E nada melhor que começar o ano com um título, em casa e contra o principal rival Sport. Na goleada por 7 a 3, no último domingo (10), quatro gols foram marcados pelo camisa 4 Rivaldo Dias, o Bananinha. O pivô comemorou o título da Copa Nordeste e ainda recebeu premiação de artilheiro da competição.

“Esse titulo foi muito importante para mim, pois é a primeira conquista que conseguir vestindo a camisa do Náutico. Ser artilheiro é uma sessão muito boa levanta a autoestima de qualquer jogador”, declarou Bananinha.

O atleta que se destacou não só na partida final, mais em toda a competição fez questão de exaltar o trabalho em equipe “Sem essa equipe com certeza eu não conseguira chegar à artilharia. Nossa maior força é o nosso conjunto e a união entre todos. O grupo é bastante novo e jovem, mas carrega uma vasta experiência”, destacou Bananinha.

Bananinha espera agora o campeonato Pernambucano, previsto para começar em abril e deseja contar com o apoio da torcida do Timbu. “Pretendo fazer um bom trabalho no Pernambucano, pois ele serve de preparativo para o Brasileiro e espero contar com o apoio da torcida, pois ela é quem nos dá força e incentivo” disse ele.

domingo, 10 de março de 2013

HÓQUEI CAMPEÃO!

O TIMBU acaba de vencer o Sport por 7 x 3 e é o novo CAMPEÃO da Copa Nordeste de hóquei.

Foto: Twitter oficial do Náutico.


Um jogo de xadrez

09/03/13 às 22h27 | Por: Anderson Malagutti - nautico-pe.com.br

Mancini orienta Jones Carioca antes dele entrar na partida / Foto: Adja Andrade

Um verdadeiro jogo de xadrez. Assim o técnico Vágner Mancini destacou o jogo no qual o Náutico venceu o Belo Jardim por 3x0 na noite deste sábado. O jogo foi duro e precisou muito da inteligência e o dedo do técnico para “acordar” o time e conseguir os três pontos. Ainda desgastado depois da longa viagem para Salgueiro, alguns jogadores sentiram o cansaço. Foi preciso então colocar jogadores descansados.

“O futebol é muito dinâmico. Você mexe as pedras antes do jogo, mas o que vai acontecer no jogo depende de cada detalhe, de cada mexida. É um jogo de xadrez. Quando a gente viu que o meio-campo ficou muito carregado no aspecto de marcação e pouca posse de bola, eu tive que mexer. E não entrando mais um jogador de meio-campo, mas sim um jogador mais de frente”, explicou o técnico, ao comentar a substituição de Josa por Jones Carioca ainda no primeiro tempo.

Mancini resumiu ainda que o Náutico não fez um bom jogo. Porém, fez questão de ressaltar a segurança na defesa. Apesar do Belo Jardim incomodar bastante, não tiveram muitas chances de gols, diferentemente do time alvirrubro, que matou o jogo nas chances dadas pelo adversário.

“O Belo Jardim não deu muitas chances, mas as chances que eles deram, o Elton fez seus gols e o Rogério foi esperto para fazer o gol dele. De uma forma geral, acho que defensivamente estamos mais seguros e ofensivamente o talento está aparecendo”, garantiu.

Com 12 pontos, o Náutico termina a rodada como líder antes mesmo dos demais adversário jogarem. Com saldo positivo de 16 gols, o Timbu só perde a liderança caso o Santa Cruz vença sua partida contra o Central por uma diferença de 13 gols.

sábado, 9 de março de 2013

“Melhor grupo que já trabalhei”

08/03/13 às 17h03 | Por: Simone Vilar - nautico-pe.com.br

Elton participou de pelo menos cinco coletivas em menos de uma semana. Tanta solicitação se justifica pelos gols. O atacante é o artilheiro do pernambucano com dez gols e coroou o bom momento com um gol de bicicleta contra o Salgueiro, na vitória por quatro a zero. “Nunca dei tanta entrevista na minha vida. Isso é bom e mostra o momento maravilhoso que o Náutico vive e temos mesmo que falar de coisas boas”.

A cada gol uma entrevista / Foto: Simone Vilar

O horário do jogo deste sábado é ingrato para o time afinal, não faz parte da rotina do torcedor ir para o estádio às oito da noite. Mesmo assim, Elton espera o apoio da torcida diante do Belo Jardim. “A gente espera que o torcedor compreenda, mas independente de qualquer coisa nós jogadores temos que procurar fazer o melhor”.

Falar em artilharia a imprensa traz o nome de Kieza. Desta vez, Elton teve que analisar o seu desempenho de quando chegou ao de agora. “Quando Kieza estava aqui tínhamos outra maneira de jogar e nós éramos “sacrificados” por termos que voltar para marcar. Mas era início de trabalho, faltava entrosamento e Mancini impõe a cada dia uma nova filosofia de jogo. Tudo é uma questão de adaptação”, justificou.

Elton confessou na coletiva ser este o melhor momento da carreira. A exemplo das entrevistas nunca teve uma média tão boa ao marcar em nove jogos 10 gols. “Tive um bom momento no vasco em 2009, mas nada comparável ao que vivo aqui no Náutico. Estou surpreso comigo mesmo”, admitiu.

O artilheiro do pernambucano atribui à boa fase aos treinamentos e o ambiente no Náutico. “Aqui não há espaço pra vaidade. Todo mundo se abraça no momento do gol e mesmo os que estão de fora apoiam e recebem o carinho de todos. No dia a dia a gente conta com a participação importante de Kuki, um cara da posição que cobra da gente e treina finalização. O mais importante é a vitória. A quantidade de gols é consequência”.

quinta-feira, 7 de março de 2013

Náutico x Belo Jardim terá promoção de ingressos

07/03/13 às 11h19 | Por: Anderson Malagutti e Adja Andrade - nautico-pe.com.br

Promoção especial para o Dia Internacional da Mulher / Foto: Marketing/Náutico

Para homenagear as torcedoras alvirrubras no Dia Internacional da Mulher, o Náutico terá uma promoção especial para a partida diante do Belo Jardim, neste sábado, às 20h, nos Aflitos. Mulheres acompanhadas de sócios alvirrubros entram de graça no estádio. A promoção é válida somente para sócios que estiverem em dia com o clube.

Também já estão a venda os ingressos para os demais setores do estádio.

Confira os horários de venda dos ingressos:

Quinta-feira (07): das 14h às 20h
Sexta-feira (08): das 8h às 20h
Sábado (09): a partir das 9h

Preços para torcedores do Náutico:

Sócio: R$ 15,00
Estudante: R$ 15,00
Arquibancada inteira: R$ 30,00
Cadeira sócio: R$ 50,00
Cadeira não sócio: R$ 60,00

Preços para torcida visitante:

Estudantes: R$ 15,00
Arquibancada inteira: R$ 30,00

terça-feira, 5 de março de 2013

O primeiro grande teste

05/03/13 às 12h07 | Por: Simone Vilar - nautico-pe.com.br

O técnico Vágner Mancini declarou na coletiva que acha oportuno o jogo contra o Salgueiro fora de casa. Para esta partida o treinador exige uma nova dinâmica na marcação e mais concentração dos jogadores. Diante do Carcará, o Náutico defende a liderança e tem a missão de quebrar mais um tabu. Há 13 jogos o time do serão não perde no estadual jogando em casa. “Prefiro até que seja longe dos Aflitos. Quero ver meu time ser testado fora de casa”.

Pela primeira vez Mancini não confirmou o time titular para a imprensa. Com a punição de Alison, suspenso por quatro jogos (já cumpriu), o treinador estuda a possibilidade de mudar o sistema. Certeza mesmo só nas laterais. Maranhão na direita e Douglas Santos ganham oportunidade no time titular. “Com Maranhão vamos ter mais força no ataque. Já com Douglas Santos temos mais marcação no lado esquerdo. É uma oportunidade de eu vê-lo jogar, mas sei que é disciplinado taticamente e faz bem a diagonal”.


'Um time mais guerreiro' / Foto: Simone Vilar 

Mancini sinalizou com a possibilidade de mudar o jeito de o Náutico atuar. Mas o técnico espera pelo aproveitamento de jogadores que estão no departamento médico, ou àqueles ainda não inscritos ou suspensos. “Se eu tivesse todo mundo à disposição talvez eu mudasse o esquema. Temos alguns atletas quando tiverem à disposição vão ser referência e com isso terei até um banco mais fortalecido”, prevê.

Mancini justificou as dúvidas no time com a necessidade de rever jogos do adversário. Ele tem em mãos os vídeos das partidas do Salgueiro contra o Santa Cruz e Sport. “Eu preciso ver esses jogos para entender melhor o que o Salgueiro faz de diferente e que o faz tão forte”. Mais uma vez Mancini teve que responder às perguntas pertinentes ao número alto de gols tomados nos últimos jogos. “Eu não posso analisar porque tomou seis gols em três jogos. Em contrapartida, fizemos 15 nesse mesmo número de partidas, com uma média de cinco gols por jogo. É fato que precisamos ter uma equipe bem distribuída para equilibrar o jogo com um time que joga junto há quatro anos”, finalizou.

segunda-feira, 4 de março de 2013

Vágner Mancini: “Temos que melhorar alguns erros”

02/03/13 às 22h38 | Por: Anderson Malagutti - nautico-pe.com.br

Treinou citou falhas no setor defensivo / Foto: Simone Vilar

O Náutico conseguiu uma importante vitória na noite deste sábado. Apesar das dificuldades, o Timbu conseguiu se impor no segundo tempo e buscou a segunda vitória no segundo turno do Campeonato Pernambucano. Para o técnico Vágner Mancini, apesar da vitória, o time escondeu algumas falhas que deverão ser corrigidas.

“O jogo, se a gente for analisar pela equipe do Náutico, não foi um bom jogo. A equipe vacilou demais, errou demais. Fez cinco gols e poderia ter feito oito novamente, porque teve oportunidades para isso. O time não jogou bem. Deu espaços. Não foi uma equipe compacta. Melhorou no segundo tempo, com a entrada do Maranhão, e nós acabamos liquidando a saída de bola do adversário, que toda hora chegava no Jaime. Mas a gente tem que aceitar e temos que melhorar alguns erros vistos no setor defensivo”, resumiu .

Depois de terminar o primeiro tempo com o placar empatado em 2x2, Mancini voltou para a segunda etapa com Maranhão no lugar de Auremir para corrigir uma falha na marcação alvirrubra pelo lado esquerdo do Chã Grande.

“A substituição do Maranhão foi normal. Eu já havia dito aqui que o Chã Grande tinha toda saída de bola no Jaime. Então ficava um meia distante do Jaime e o Auremir também distante. Se o Auremir saísse, sobrava alguém nas costas. Então eu optei em fazer a entrada do Maranhão mais como ala, descompensando a nossa linha de quatro zagueiros. Aí a gente acertou esse lado”, explicou.

Apesar de o time não ter apresentado um bom futebol, Mancini tirou alguns lições da partida. A maior delas é entrar concentrado, apesar do adversário.

“As lições foram muitas, porque hoje aconteceu muita coisa errada. Mas acima de tudo eu vi uma equipe que não desistiu do jogo jamais, assim como a gente teve uma parte da torcida que saiu chateada, tem outra parte que entende, que sabe que o Náutico é uma equipe em formação ainda e tem erros que ainda vão ser vistos mas que o mais importante é vencer no futebol”, finalizou.

sábado, 2 de março de 2013

Apoio da torcida será imprescindível

01/03/13 às 16h11 | Por: Simone Vilar - nautico-pe.com.br

Vinícius Pacheco deve voltar ao time nesta partida contra o Chã Grande nos Aflitos. Se Mancini optar pelo meio campista, a tendência também é mudar a postura tática, jogando no esquema 4-4-2. Com isso, Renato seria sacado. Tantas mudanças requerem explicações. Para Vinícius Pacheco o Náutico busca uma crescente. “Temos que evoluir ainda. Cada jogo é uma situação diferente e há jogos, principalmente com equipes que vêm enfrentar a gente com postura defensiva, enfrentamos dificuldades”.

Pacheco deve voltar ao time / Foto: Simone Vilar

O jogador vive a expectativa do retorno e uma vez questionado sobre as justificativas de Mancini, Pacheco pregou respeito às decisões do treinador. “Mancini não tem que dar explicações a jogador. A gente é que tem que estar sempre pronto e à disposição para jogar”.

Para o jogo da reabilitação Vinícius Pacheco ressaltou a importância do apoio da arquibancada. “A gente tem visto nos jogos fora de casa que os times do interior contam com uma torcida forte. Aqui não pode ser diferente. Tenho certeza que o nosso torcedor deve nos ajudar nessa caminhada rumo ao título pernambucano”.

quinta-feira, 28 de fevereiro de 2013

Com gol no final, Náutico perde para o Pesqueira

27/02/13 às 20h19 | Por: Anderson Malagutti -  nautico-pe.com.br
Disputa de bola no jogo Pesqueira e Náutico / Foto: Simone Vilar

O Náutico teve muito perto de conquistar um bom empate contra o Pesqueira nesta quarta-feira. Após sair perdendo por 2x0, o Timbu conseguiu dois gols depois dos 40 minutos do segundo tempo. Mas quando o resultado já estava praticamente decretado, o Pesqueira conseguiu a vitória no último minuto.

Os gols do Náutico foram marcados por Elton e Rogério, que marcou um golaço de bicicleta. O próximo compromisso do Náutico é no sábado, às 20h, contra o Chã Grande, no estádio dos Aflitos.

O jogo

O Náutico entrou muitas dificuldades no primeiro tempo no Gigante do Agraste. Com um gramado que não estava nas melhores condições, o time de Vágner Mancini teve dificuldades para jogar com a bola no chão. A opção então foi usar as bolas paradas e os cruzamentos na área para tentar o gol.

A primeira chance de gol aconteceu aos cinco minutos. Rogério, da entrada da área, cobrou falta com perigo. Mas Geday conseguiu interceptar e realizar a defesa. Dois minutos depois, Rogério ganhou um presente do zagueiro do Pesqueira. Mas o atacante demorou a concluir e na sobra da jogada, Elton acabou parando na defesa do goleiro.

A melhor chance do Náutico no primeiro tempo, Elton recebeu ótimo passe de Giovanni Augusto. Na tentativa de chutar a gol, acabou travado por Jonny. No rebote, Renato apareceu, mas acabou parando novamente na defesa de Geday.

Aos 33 minutos o Pesqueira conseguiu abrir o placar. Jânio cobrou falta da entrada da área, a bola desviou na barreira e enganou Felipe, que nada pôde fazer. O Timbu até tentou empatar ainda na primeira etapa com Luís Eduardo, mas o zagueiro acabou chutando cruzado.

Na volta para o segundo tempo, Mancini trocou Renato por Vinícius Pacheco, para dar mais velocidade no meio-campo. Mas a primeira chance foi de bola parada. Rogério cobrou falta com força, porém, no meio do gol, facilitando a defesa de Geday.

O jogo seguiu mastigado. Mancini promoveu então a entrada de Reis, para segurar mais a bola no ataque. A tentativa deu certo. Aos 23, Rogério tentou mais uma vez de fora da área. A bola tinha endereço certo, mas acabou pegando muito efeito e raspou o travessão. Rogério teve nova chance aos 28 de cabeça. Aos 30, Elton perdeu uma chance cara a cara com Geday.

Mas o Pesqueira foi fatal no contra-ataque. Dadá Pesqueira entrou em velocidade na esquerda, driblou Auremir e chutou cruzado, sem chances para Felipe. O gol não abateu o Náutico. No minuto seguinte, Vinícius Pacheco achou Elton na área. O camisa 11 chutou firme, descontando para o Timbu.

Aos 44, o Náutico conseguiu o gol de empate com um golaço de bicicleta de Rogério. A atacante conseguiu aproveitar uma bola dividida dentro da área e fez um lindo gol. Mas aos 47, Stanley contou com a sorte e uma falha de Felipe para fechar o placar e decretar a vitória do Pesqueira por 3x2.

Pesqueira 3 x 2 Náutico

Pesqueira - Geday; David, Stanley, Jonny e Jânio; Dadá Pesqueira, Franklin, Laercio (Diogo) e Theo, Neto Bala e Deisinho. Técnico: Humberto Santos.

Náutico - Felipe; Auremir, Alemão, Luis Eduardo e Bruno Collaço (Douglas Santos); Elicarlos; Marcos Paulo (Reis) e Giovanni Augusto; Renato (Vinícius Pacheco), Rogério e Élton. Técnico: Vágner Mancini.

Pernambucano Coca-Cola. Local: Gigante do Agreste, Garanhuns. Árbitro: Gilberto Castro Júnior. Auxiliares: Jossemar Diniz e Wlademir Lins. Gols: Jânio, aos 33/1ºT e aos 47/2ºT, Dadá Pesqueira, aos 38/2ºT (Pesqueira), Elton, aos 40/2ºT, Rogério, aos 44/2ºT (Náutico) . Cartão amarelo: Elicarlos (Náutico), Stanley, Franklin, Dadá Pesqueira (Pesqueira).

terça-feira, 26 de fevereiro de 2013

Vágner Mancini dá palestra para crianças

25/02/13 às 18h24 | Por: Anderson Malagutti - nautico-pe.com.br

Treinador recebe o assédio da criançada / Foto: Divulgação

Nada de esquemas táticos ou campo de futebol. O técnico Vágner Mancini viveu uma segunda-feira diferente. Ao invés dos jogadores de futebol, Mancini passou um pouco mais da sua experiência para um grupo de alunos do Colégio e Curso Expositico, que fica em Rio Doce, Olinda.

Organizada pelo repórter João Vitor, da Rádio Clube, a palestra serviu para que Mancini explicasse um pouco da importância de estudar, ter uma formação acadêmica e ainda passou dicas de como aliar a escola com o treinamento nas escolinhas de futsal e futebol.

"Pelo falto motivacional, acaba acrescentando muito para os alunos, desde o estudo ao aspecto alimentar. E isso é importante alinhar os dois. E o projeto é isso, lembrar que os alunos além de frequentar as escolinhas, saibam das suas obrigações dentro da sala de aula", contou João Vitor.

Após a palestra de Mancini, os alunos tiveram um momento de interação com o técnico, onde puderam fazer várias perguntas e tirar suas dúvidas, além é claro, de pedir autógrafos.

segunda-feira, 25 de fevereiro de 2013

Com proposta do Náutico, Mota se encontra com diretoria do Ceará

25/02/2013 09h22 - Atualizado em 25/02/2013 09h22

Atacante cearense foi procurado para substituir Kieza, que partiu para o futebol chinês. Ceará está disposto a pagar o 'teto salarial' do clube

Por GLOBOESPORTE.COM Fortaleza, CE
Atacante Mota fez 27 gols no ano passado
(Foto: Marília Camelo/Agência Diário)

O futuro do atacante Mota pode ser definido na tarde desta segunda-feira (25). O jogador irá se reunir com a diretoria do Ceará, para ouvir uma nova proposta do clube. O presidente Evandro Leitão já declarou que ele ganhará o maior salário do time, caso aceite defender novamente a camisa alvinegra em 2013.

- Posso garantir que a proposta não está abaixo do que ele ganhava no ano passado de jeito nenhum - afirmou.

De acordo com o empresário Fábio Vieira, Mota havia acertado com um clube chinês, mas a família não quis ir embora do Brasil e a contratação não vingou. Os chinenses levaram, então, Kieza, ex-Náutico. Para suprir a vaga deixada pelo jogador, Vagner Mancini pediu o reforço de Mota e a diretoria fez boa proposta para o cearense.

Pesa a favor do Náutico o fato de a equipe pernambucana estar na Série A do Campeonato Brasileiro. Além disso, Mancini já jogou com o Mota em 2002, quando conquistaram o estadual pelo Ceará, e tem uma boa relação com o atacante. Se os valores oferecidos pelo Ceará não agradarem ao torcedor declarado do Vovô, Mota deve fechar com o Timbu.

Em 2012, Mota fez 27 gols pelo Ceará, sendo 13 na Série B do Campeonato Brasileiro. Foi mais uma vez campeão cearense na recente passagem pelo clube e é um dos ídolos do Vovô. Teve ainda atuação marcante em 2009, quando ajudou o time a voltar para a Série A.

quarta-feira, 20 de fevereiro de 2013

Jogadores prestam homenagem a Lucas Lyra

19/02/13 às 16h27 | Por: Simone Vilar - nautico-pe.com.br

Uma camisa personalizada e autografada por todo elenco alvirrubro compõe a homenagem do Náutico ao torcedor baleado no último sábado em frente à sede, Lucas Lyra. O jovem de 19 anos levou um tiro na cabeça e permanece em estado grave no Hospital da restauração.
Jogadores autografam camisa personalizada / Foto: Simone Vilar

Na foto, Kieza, Rogério, Elicarlos, Felipe e Kuki exibem a camisa de Lucas Lyra. A ideia é amenizar o sofrimento da família do jovem torcedor do Náutico. Alguns jogadores deixaram mensagens de otimismo junto aos autógrafos. “Força Lucas. Que Deus te abençoe”.

terça-feira, 19 de fevereiro de 2013

Náutico contrata volante Rodrigo Souto e atacante Jones Carioca

19/02/2013 19h23 - Atualizado em 19/02/2013 19h51 - pe360graus.com

Timbu se reforça para a disputa do segundo turno do Campeonato Pernambucano

Por GLOBOESPORTE.COM - Recife
Rodrigo Souto chega ao Recife no domingo
(Foto: Lucas Uebel / VIPCOMM)

Enquanto não define se permanecerá com o atacante Kieza, o Náutico segue buscando reforçar o elenco e anunciou a contratação do volante Rodrigo Souto e do atacante Jones Carioca. O meio-campo chega ao Recife no domingo, mas Carioca já se encontra da capital pernambucana.

Com 30 anos, Rodrigo Souto passou por clubes como São Paulo, Santos, Vasco e Atlético-PR. Recentemente, ele estava no
Jubilo Iwata, time do Japão.

- Foi o único clube brasileiro que apresentou uma proposta de concreto. O resto foi só especulação. O Náutico abre portas para que eu possa voltar ao Brasil e disputar competições importantes no cenário nacional - disse Rodrigo em entrevista à assessoria de imprensa do Náutico.

Mineiro de Caratinga, o atacante Jones tem 24 anos e começou a sua carreira como jogador de futebol profissional no Bonsucesso-RJ, em 2009. No mesmo ano foi jogar no Cruzeiro, mas teve poucas oportunidades e acabou emprestado para o Goiás na temporada seguinte.

A principal participação de Jones Carioca em um time de ponta do futebol brasileiro foi no Bahia. Ele chegou ao tricolor baiano em 2011, mas não conseguiu encantar. Em 2012, foi titular durante boa parte da Série A do Campeonato Brasileiro, mas acabou não permanecendo na equipe.

- Jones é um jogador forte fisicamente que pode atuar na ligação entre o meio e o ataque. Mas pode também ser aquele atacante que dá opção de jogadas pelas laterais. As características dele são diferentes dos demais atacantes que o Náutico tem atualmente - destacou o superintendente de futebol do Timbu, Daniel Freitas, em entrevista ao site oficial do clube.
Jones Carioca já veste a camisa do Náutico (Foto: Divulgação)

domingo, 17 de fevereiro de 2013

“Eu tenho que voltar e ser melhor do que eu era”

17/02/13 às 12h47 | Por: Simone VIlar - nautico-pe.com.br

Em uma de suas respostas à imprensa Rogério resumiu o significado emblemático da sua volta após tentativa frustrada de romper vínculo com o Náutico através da justiça do trabalho. “Eu tenho que voltar e ser melhor do que eu era”.

Visivelmente constrangido, o atacante Rogério se reapresentou ao Náutico disposto a retomar a carreira com dignidade. O jogador não fugiu às perguntas e assumiu ter sido alvo de empresários oportunistas que, buscam em jogadores desinformados tirar vantagens financeiras. “Fui iludido por empresários que prometeram uma vida que depois eu vi que não iria ter. Me deixei levar por muitas conversas de jogar na Europa e ganhar dinheiro. Eles prometeram que eu iria para o Locomotiv de Moscou e depois para Alemanha”, revelou.

O jogador contou que não tinha intenção de acionar o clube na justiça do trabalho. Tudo partiu dos empresários e quando Rogério percebeu tamanho prejuízo afirmou que queria retornar para o Náutico. “Eles que decidiram isso e fizeram tudo entre eles. Depois que eu vim saber e falei para eles que não queria fazer isso com o Náutico e voltaria para o clube que abriu portas para mim.”

O salário do jogador no Náutico teve ajuste conforme o que estava previsto desde o ano passado. Agora, Rogério demonstra arrependimento e admite que tenha que jogar muito para reconquistar a torcida. “Claro que vai haver pressão, mas tenho que responder dentro de campo. Clima quem faz é o jogador. Com força de vontade, vou dar a volta por cima e mais do que nunca meu objetivo é ser campeão pernambucano”.

Carta aberta de Rogério para a torcida alvirrubra

A carta redigida pela assessoria de imprensa do Náutico reflete os sentimentos do jogador. A pedido de Rogério, a assessoria publica o texto que expressa tão somente a vontade do atacante.

“Eu gostaria de pedir desculpas à torcida, à diretoria e ao Náutico por todo o desgaste que provoquei com minha atitude em abandonar o clube. Apesar do transtorno causado por esta situação, quero aqui reconhecer meu erro.

Nem tudo o que se explica se justifica, mas eu fui iludido por empresários e ao final de tudo percebi que nunca iria conquistar meus objetivos com essas pessoas. Eles prometeram uma vida que com o tempo fui vendo jamais ter.

Arrependimento e desculpas / Foto: Simone Vilar

O Náutico representa o ponto de partida na minha carreira. O clube abriu portas para mim e nos momentos mais difíceis tive o apoio de todos. O presidente Paulo Wanderley foi um desses. Ele esteve ao meu lado quando sofri a grave lesão no joelho. Eu só tenho que agradecer muito a ele e aos funcionários que cuidaram de mim.

Devo ao Náutico empenho, dedicação e espero retomar minha carreira com títulos. Só assim eu posso reconquistar o respeito e o carinho da torcida. Ao clube e aos dirigentes eu agradeço a oportunidade de reparar um erro e voltar a jogar futebol.”

Rogério Melo

sábado, 16 de fevereiro de 2013

O desabafo de Kieza

16/02/13 às 01h07 | Por: Simone Vilar - nautico-pe.com.br

A novela de renovação ou despedida de Kieza do Náutico se repete e desgasta jogador, clube e torcida. A demora no desfecho é natural afinal, as partes discutem o futuro de um atleta. O jogador participou da coletiva de imprensa para mandar recado aos ingratos que o julgam mercenário e reafirmar seu desejo de permanecer no Náutico. “Eu só quero paz para jogar. Ninguém mais sabe do amor que sinto por este clube quanto eu mesmo. Mas as coisas não são tão simples assim de resolver. Envolve muita gente”.

A fama de marrento, as declarações polêmicas nas redes sociais, o jeito rebelde, tudo isso não passa de uma autodefesa do jogador. Quem conhece Kieza na rotina do clube, onde imprensa não tem acesso, sabe do homem que se emociona com uma torcedora de idade ao pedir uma camisa e carinho ao jogador, do profissional dedicado mesmo em tratamento.

Kieza pede compreensão ao torcedor / Foto: Simone Vilar

Kieza mudou a postura e na coletiva preservou a negociação que mantém com o clube. Ele evitou comentar as suas declarações nas redes sociais. A irritação na sala de imprensa veio à tona com as insistentes perguntas sobre proposta e renovação de contrato. “Eu já disse e repito. Esse assunto é com meus empresários e os diretores do clube”. E finalizou a entrevista mantendo a postura profissional. “Venho de contusão. Passei quinze dias parado e mesmo sentindo um pouco a condição física espero superar tudo isso com o foco e o desejo de participar deste jogo contra o Central, importante para gente já garantir o primeiro turno”, finalizou.

quinta-feira, 14 de fevereiro de 2013

Náutico cassa liminar de Rogério e diretor avisa: 'Será muito bem-vindo'

14/02/2013 16h14 - Atualizado em 14/02/2013 18h43

Jogador entrou na Justiça contra o clube e não treina desde sábado; a expectativa é que ele se reapresente nos Aflitos nesta sexta-feira

Por Lucas Liausu - Recife - pe360graus.com.br
Dirigentes esperam Rogério no treino nesta sexta
(Foto: Aldo Carneiro / Pernambuco Press)

A tranquilidade demonstrada pelos dirigentes do Náutico desde o sumiço do atacante Rogério foi compreendida no início da tarde desta quinta-feira quando o departamento jurídico do clube conseguiu cassar a liminar do atleta. O jogador pediu desligamento do Timbu alegando salários atrasados e o não recolhimento do FGTS. Quem revogou a liminar foi o juiz Hélio Luís Fernandes Galvão, da 5ª Vara do Trabalho do Recife.

- O juiz reviu a liminar e a cancelou. Ainda não sei o teor da liminar, mas Rogério deve ser comunicado para se apresentar o quanto antes para trabalhar comentou o vice-presidente jurídico do Náutico, Sérgio Galvão.

Apesar de não conseguir contato com o jogador, o dirigente alvirrubro espera que Rogério se apresente no Náutico já na manhã desta sexta-feira quando está marcada a reapresentação de todo o grupo alvirrubro.

- Esperamos por ele já amanhã. Ninguém consegue falar com o jogador, mas estamos mandando o recado pela imprensa: o Rogério será muito bem-vindo no Náutico.

O fato da liminar ter sido cassada não é uma decisão definitiva da Justiça do Trabalho, mas a tendência é que Rogério não recorra mais. Pelo menos isso é o que vice-presidente jurídico do Náutico espera.

- Ele pode recorrer, mas eu acho muito difícil que faça. O juiz revogou a liminar mediante apresentação de prova documental.

quarta-feira, 13 de fevereiro de 2013

Maranhão é o novo reforço do Náutico

13/02/13 às 17h13 | Por: Anderson Malagutti - nautico-pe.com.br
Maranhão já com a camisa do Náutico / Foto: Anderson Malagutti

O Náutico acertou na tarde desta quarta-feira (13) a contratação do lateral-direito Maranhão, de 27 anos. O jogador tem contrato até o dia 31/12/14 e chega em definitivo aos Aflitos, depois de um acordo entre Náutico, Santos e o jogador.

Natural de Codó/MA, Manoel Mesias Barbosa da Silva, o Maranhão, começou sua carreira de futebol no Gurupi/TO, passando também por Araguaína/TO, Palmas/TO, Legião/DF, Bragantino/SP, Santos/SP, Coritiba/PR, Atlético/PR e Santos/SP.

“Sou um lateral que gosta de apoiar bastante, mas que sabe jogar no 3-5-2 ou no 4-4-2, que é o esquema que eu mais gosto de jogar. Tenho uma boa velocidade, gosto muito de driblar e chegar na linha de fundo e cruzar para os atacantes concluírem a gol”, disse Maranhão, já se apresentando ao torcedores alvirrubros.O jogador será apresentado nesta quinta-feira (14), às 10h30, nos Aflitos.

sexta-feira, 25 de janeiro de 2013

Visita histórica a Arena Timbu

24 de Janeiro de 2013 • 23h50 - nautico-pe.com.br
Por Simone Vilar / Foto: Simone Vilar

Sol de rachar, nuvens contrastando com o céu de brigadeiro, temperatura acima dos 30 graus, poeira, cenário da visita histórica da delegação do Náutico a Arena Timbu. O nome cai bem para um projeto que se desenha com as cores alvirrubras, com a paixão do torcedor, com o olhar no futuro do NÁUTICO. No início da visita, a delegação formada por 25 jogadores, 10 integrantes da comissão técnica, assessoria de imprensa e superintendência de futebol do Clube, assistiu a dois vídeos institucionais no auditório.

Na palestra do diretor da ODEBRECHT, Bruno Dourado, os alvirrubros viram como 4.500 trabalhadores erguem com orgulho uma obra monumental inspirada no que há de mais moderno nas arenas esportivas do mundo. Os idealizadores foram buscar, por exemplo, o mesmo efeito de luzes e cores na cobertura usada no Cubo D’água que, abrigou as competições de natação nas Olimpíadas de Pequim. O projeto alinhado com o meio ambiente, uma arena que oferece conforto, lazer e diversão, a futura casa do Náutico está cravada em meio ao verde de São Lourenço da Mata, um deslumbre para os apaixonados por tecnologia aliada à arquitetura e ao esporte mais popular do país.

128.000 metros quadrados de área, uma arena com capacidade para 46 mil torcedores, 102 camarotes, térreo e mais três pavimentos, oito elevadores, escada rolante, restaurante. Os números parecem exagerados para uma praça esportiva eficiente e funcional e que ainda pode se transformar numa casa de show. Apesar de tanta grandeza, a Arena Timbu proporciona ao expectador sempre uma visão privilegiada dos espetáculos. Os jogadores ficaram maravilhados com o que viram. “Modernidade”, afirmou o goleiro Felipe. “Maravilhoso” declarou Bruno Collaço.

Para uma pessoa em especial, a visita provocou uma emoção diferente. Araponga, roupeiro, o funcionário mais antigo do Náutico, testemunha do hexa, falou como se fosse um visionário. “Eu sonhava que um dia o Náutico chegaria a ter um estádio assim”. Para o técnico Alexandre Gallo jogar na Arena é motivo de orgulho. “Quando eu renovei com o Náutico um dos motivos foi justamente esse, fazer parte de um momento histórico do clube e isso aumenta a nossa responsabilidade. A gente espera fazer com o que o torcedor tenha satisfação de vir aqui ver o seu time disputar competições importantes”.

quinta-feira, 24 de janeiro de 2013

Jogadores do Náutico participam de uma ação exclusiva na Loja da Arena

24 de Janeiro de 2013 • 10h54 - nautico-pe.com.br
Divulgação/Odebrecht

Primeiros compradores de camarotes e assentos premium participarão do Happy Hour Prime, um descontraído bate-papo com os jogadores Kieza e Elton, do Náutico, na loja da Arena, no Shopping Recife

O Clube Arena Prime, programa de hospitalidade para compradores de camarotes e assentos premium da Arena Pernambuco, promove nesta quinta-feira (24) a sua primeira ação exclusiva. Um grupo seleto, formado pelos primeiros membros do clube, será convidado para participar do Happy Hour Prime com dois jogadores do Náutico. O artilheiro Kieza e o recém-contratado atacante Elton receberão os convidados na loja do Clube Arena Prime, no Shopping Recife, das 19h às 20h, para um bate-papo sobre a expectativa dos alvirrubros para a temporada 2013, que inclui a ida para a Arena, a participação no Brasileirão da Série A e Copa Sul-Americana.

Iniciativas como essa fazem parte do calendário diferenciado de atividades do Clube Arena Prime que irá oferecer aos seus membros experiências únicas – antes mesmo do início da operação da Arena. Além de assegurar os locais mais privilegiados para assistir às partidas de futebol, os membros do clube farão parte de uma rede de benefícios vinculada ao programa de hospitalidade, em formato ainda inédito no Brasil, que irá oferecer um altíssimo padrão de qualidade no atendimento e diversidade de serviços.

Após um acordo firmado com a Diretoria do Clube Náutico, os conselheiros do time e proprietários de cadeiras no estádio dos Aflitos terão até o fim de março para adquirirem, com um valor diferenciado, os lugares mais privilegiados da Arena. Assim, se tornarão também membros do Clube Arena Prime. A redução no valor dos Assentos Premium será válida apenas para esta temporada (julho 2013/julho 2014) e só poderá ser usufruída pelos membros que estiverem em dia com o Náutico.

Os descontos, durante o período de vigência, variam de acordo com a localização das cadeiras. Nos Assentos Premium (localizados no térreo com maior proximidade do campo e ao redor da zona mista) e Premium Deck (2º pavimento, com visão mais aérea do campo), o valor padrão terá 15% de abatimento para as cadeiras centrais, 20% para as laterais e 30% no corner. O pagamento ainda poderá ser dividido em 10 vezes.

Outras vantagens de ser um membro do clube são a garantia de estacionamento reservado e entrada independente do público geral. Na área premium, o público ainda contará com oito elevadores e 13 escadas rolantes, além de ter acesso a locais de convivência exclusivos como lounges, bares e restaurantes climatizados. Para conhecer mais sobre o programa de hospitalidade e adquirir assentos premium e camarotes, os interessados podem visitar a loja do Clube Arena Prime, no Shopping Recife (ao lado da Tokstok).

Na loja do Clube Arena Prime, os torcedores podem conferir uma cabine de experiência que simula o camarote da Arena, além de navegar em uma tela multi touch e ter uma visão 3D da Arena a partir do setor selecionado. Também é possível obter outras informações pelo site www.clubearenaprime.com.br  e pela Central de Relacionamento (81 3319.1919).

Arena Pernambuco - É uma Sociedade de Propósito Específico (SPE) formada pelas empresas Odebrecht Properties (OP) e Odebrecht Infraestrutura. Como gestora do empreendimento, a SPE desenvolverá uma nova centralidade urbana na zona Oeste da região metropolitana do Recife. O ponto de partida é a construção da nova arena multiuso em São Lourenço da Mata, a apenas 19km do Aeroporto Internacional dos Guararapes. Para saber mais sobre o projeto, acompanhe o portal www.cidadedacopa.com.br e nossas redes sociais (www.facebook.com/arenapernambuco e @arenapernambuco).


Benefícios dos assentos Premium;

- Membro do Clube Arena Prime;
- Assentos acolchoados, numerados e rebatíveis;
- Estacionamento garantido – 1 vaga para cada quatro assentos adquiridos;
- Entrada independente do público geral para o estádio;
- Acesso a lounges, bares e restaurantes climatizados e exclusivos;
- Calendário de eventos de relacionamento, como degustações gourmets e palestras;
- Atendimento exclusivo pela Central de Relacionamento com o Cliente (CRM);
- Prioridade na compra de ingressos para outros eventos (shows e concertos);
- Acesso prioritário ao sistema de re-locação de camarotes;
- Cartão Clube Arena Prime* com descontos e benefícios;

* O Cartão Clube Arena Prime permitirá acesso à Arena a partir do início do acordo com o Clube Náutico Capibaribe, em julho de 2013.

quarta-feira, 16 de janeiro de 2013

Náutico é o primeiro clube de Pernambuco a fechar parceria com o MOVIMENTO POR UM FUTEBOL MELHOR

16 de Janeiro de 2013 • 17h46 - nautico-pe.com.br
Por Simone VIlar

A união de nove grandes empresas proporcionou o desenvolvimento de um programa amplo para geração de receitas para os clubes. A AMBEV levou dois anos de estudos para concluir o programa lançado com o objetivo de oferecer vantagens ao sócio torcedor, que consumir os produtos das empresas participantes. O projeto funciona da seguinte maneira: Os torcedores terão descontos inicialmente em cerca de 300 produtos em segmentos diversos como alimentos, bebidas, higiene pessoal, limpeza e material esportivo.

No setor de serviços, os descontos passam por entretenimento e produtos financeiros. Isso representa tanto uma forma de gerar vantagens econômicas para uma grande fatia de torcedores, ao mesmo tempo em que proporciona a vivência desse público com seu time de coração. As redes nacionais parceiras são Carrefour e Extra. Em breve, o Walmart será outra grande opção.

Para facilitar a identificação no ponto de venda os produtos participantes terão um selo do Movimento por um Futebol melhor. Outra opção é acessar o site www.futebolmelhor.com.br, o portal para informações aos torcedores. Nele será possível ter acesso aos produtos e serviços participantes, os descontos, as redes de supermercados parceiras, os planos de cada clube e o saldo de desconto acumulado pelo sócio.

O MOVIMENTO POR UM FUTEBOL MELHOR prevê a participação dos principais clubes do Brasil. Em Pernambuco, o Náutico foi o primeiro a fechar a parceria. No entanto, aqui no Estado o programa só começa a funcionar em março, após a regularização das redes parceiras. Para participar o sócio precisa estar em dia com o clube e no ato das compras é só apresentar o CPF para obter o desconto nas mercadorias. Todas as categorias de sócio poderão fazer parte do programa. “A meta é chegar a 20 mil sócios com essa campanha. Com tantos benefícios e grandes empresas envolvidas a gente espera uma grande adesão. É bom frisar que pela primeira vez uma empresa do porte da AMBEV organiza um clube de descontos para sócio torcedor se beneficiando da sua credibilidade. Associar a imagem do clube a um programa dessa dimensão só traz benefícios”, projeta o vice-presidente de marketing do Náutico, Roberto Varela.

sexta-feira, 11 de janeiro de 2013

Bahia é apresentado e elogia estrutura Timbu. “Está entre as 10 melhores do Brasil”

10 de Janeiro de 2013 • 18h30 - nautico-pe.com.br
Por Alexandre Wolkoff / Foto: Simone Vilar

O novo preparador de goleiro do Náutico, Eduardo Bahia foi apresentado hoje à tarde na sala de imprensa do CT Wilson Campos, no bairro da Guabiraba. Ele chegou acompanhado do superintendente de futebol, Daniel Freitas, que explicou o motivo da contratação.

“O Náutico foi buscar um ótimo profissional que é o Eduardo Bahia, para qualificar ainda mais a comissão técnica. Ele tem ótimos serviços prestados por onde passou, revelando grandes goleiros que marcaram época no futebol brasileiro, como Dida, Fábio Costa, o Felipe que hoje está no Flamengo”, disse Freitas.

Esta é a segunda vez que o profissional defende um clube pernambucano. A primeira foi em 2011, quando integrou a comissão técnica do Sport. Assim que chegou ao Náutico, Eduardo elogiou a estrutura alvirrubra e a política de qualificação profissional implantado pela diretoria.

“O Náutico é o clube que está entre as 10 melhores estruturas do futebol brasileiro. As pessoas aqui não param de trabalhar, não falo isso porque hoje estou aqui, mas o clube evolui em vários aspectos, principalmente na estrutura física que está sendo bem trabalhada”, disse Eduardo.

Na Série A do ano passado, a meta alvirrubra foi muito questionada. Felipe e Gideão alternaram a posição diversas vezes durante os jogos do Brasileiro. Eduardo encarou naturalmente o fato e disse que esse tipo de situação passa pelo processo de reformulação, citando inclusive a Seleção Brasileira como exemplo. 

“Hoje não sabemos quem é goleiro da Seleção Brasileira. Isso é natural quando se trabalha para diminuir as falhas, em busca do melhor para cada posição. Uma coisa é certa, o Náutico tem dois grandes goleiros, jovens e de muito talento. Não tenha dúvidas que o melhor vai jogar. A gente sabe da história do Gideão e a do Felipe, que inclusive tem passagem pela base da Seleção Brasileira”, finalizou.

segunda-feira, 7 de janeiro de 2013

Agora é profissional

06 de Janeiro de 2013 • 15h28
Por Simone Vilar / Foto: Simone Vilar

Marcos Vinícius chegou à maioridade do futebol e agora luta pelo seu espaço no profissional do Náutico. O técnico Alexandre Gallo já promoveu o ingresso de dois jogadores da base. Além do meio campista, o goleiro Jefferson passa a terceiro goleiro. Logo no início da pré-temporada os novatos perceberam a diferença na carga de trabalho. “Aqui é mais pesado, mas a gente sabe que é importante para a sequência do ano”, reconhece Marcos Vinícius.

O meio campista não chega a ser uma estreia, afinal disputou seis partidas pelo profissional no ano passado. Cinco desses jogos Marcos Vinícius foi escalado por Waldemar Lemos e na outra partida ganhou a chance com Roberto Fernandes. O jovem talento alvirrubro disputou dias atrás suas últimas partidas na categoria juniores. Marcos Vinícius se destacou no Brasileiro pelas assistências e o bom entrosamento com o atacante Renato, artilheiro do Náutico na competição. Agora, no profissional, ele espera se “entender” com Kieza, mas antes precisa conquistar a confiança de Gallo nas três primeiras partidas quando o treinador vai comandar o time da base no pernambucano. “Eu pretendo conversar com ele e mostrar que meu futebol rende na intermediária próxima ao ataque. Espero corresponder às expectativas e quem sabe me firmar no time dele”, conclui.

Arrasadores!

06 de Janeiro de 2013 • 16h22
Por Simone Vilar / Foto: Simone Vilar

Renato vem se consolidando pelo faro de gol no futebol de base. O garoto foi artilheiro no Brasileiro e promete marcar seu nome na Copa São Paulo. Ele marcou dois gols na vitória do Náutico sobre a Penapolense-SP. O terceiro foi marcado por Liniker.

Dependendo do resultado de Juventude-RS e Portuguesa, o Náutico pode largar na liderança. Os meninos da base voltam a campo na próxima quarta-feira, às 19h, horário do Recife, para enfrentar o Juventude-RS. Os comandados de Sérgio China encaram a copinha como um vestibular, pois Gallo observa os garotos para definir o time que vai estrear no Campeonato Pernambucano.